Ariana Nasi| Processos de autoconhecimento e reconexão: como podemos nos ajudar

1859

Sempre falo por aqui que o autoconhecimento é constante e que, muitas vezes, pode ser complexo. Este processo pode ser alcançado a partir de diversas formas que façam a conexão entre corpo e alma. Neste texto, vou falar um pouco mais sobre isso.

Conhecer a si mesmo é uma das mais poderosas transformações, já que nos cura e libera. Essa imersão em nós mesmas traz mudanças positivas tanto para gente quanto para aqueles que nos rodeiam.

Isso porque, nos tornamos pessoas mais fortes, seguras, conscientes e aptas para ajudar aqueles que precisam. Ao estarmos alinhadas com o que somos vibramos uma energia mais potente e capaz de  tocar os outros.

Quando a gente se reconhece consegue fazer transformações mais profundas em nossa vida, o que, invariavelmente, leva ao cuidado e cura. A busca pelo autoconhecimento é um caminho para nos abrir para o novo e para a nossa reconstrução.

Como iniciar o processo de transformação da sua vida

Sempre digo que o primeiro passo para a mudança que a gente quer e precisa é se observar, notar o que está sentindo e identificar o que deve ser melhorado, seja em relação a comportamentos ou a escolhas e atos.

Da mesma forma, é preciso reconhecer nossas habilidades e virtudes, ou seja, o que temos de positivo. A partir daí é possível enxergar uma conjunção para o início da transformação.

É comum, neste início, termos um pouco de dificuldade de enxergar o que temos de bom, pois sempre tendemos à crítica. Contudo, nossas fortalezas e fraquezas andam juntas, da mesma forma que nossas virtudes e comportamentos ajudam a mudar aquilo que queremos. O nosso potencial e poder de transformação está dentro da gente.

A reconexão com nossa essência é a causa de grandes transformações em nossas vidas.
A reconexão com nossa essência é a causa de grandes transformações em nossas vidas.

Durante toda nossa vida passamos por experiências que agregam na nossa personalidade e quem somos. Essas experiências são gravadas em nossa memória influenciam na forma que temos de nos relacionar, posicionar, reagir, comunicar e diversas outras características.

Para se reconectar com a nossa essência é preciso desconstruir todos os véus criados ao decorrer da nossa história. Esse processo não é fácil, pois exige sair da zona de conforto e avaliar como realmente estamos, nosso nível de satisfação com nossa vida, o efeito dos nossos hábitos, relações e dentre outros pontos que são essenciais para que haja completude e felicidade. Depois que o processo de despertar começa ele não para mais.

Temos tudo que é preciso para mudar

O nosso ego nos mostra que somos como indivíduos, como personalidade. Tudo está dentro de nós e espelhamos esse conteúdo para o universo e para as relações que firmamos.

Ariana Nasi | Olhar para dentro de si é encontrar é o melhor caminho para encontrar nossa força.
Olhar para dentro de si é encontrar é o melhor caminho para encontrar nossa força.

Isto quer dizer que aquilo que vemos no outro é também um espelho de nós. Se você sente ressoar um sentimento, seja bom ou ruim, é porque ele está lá dentro de você.

Alguns sentimentos precisam ser mais exercitados para que cresçam e nos tragam o bem, como é o caso do amor, empatia e gratidão. Já outros, temos que controlá-los para que não nos prejudique, como a raiva, inveja e posse, por exemplo. 

Não se bloqueie

A autossabotagem é uma das dificuldades que podemos encontrar no processo de autoconhecimento. Por vezes, não nos achamos capazes e até mesmo merecedoras de coisas boas. Mas, acredite, você está destinada a coisas grandes e tem um grande poder dentro de si para fazê-las acontecer.

Outro ponto que pode causar bloqueio é sempre esperar a validação e julgamento dos outros. Não é que o que outro pense da gente não seja importante. Mas, você vai se limitar a opinião de alguém que está de fora e não conhece sua trajetória, seus sentimentos e sua luta? Isso seria até mesmo injusto com a nossa jornada, não acha? 

O autoconhecimento nos liberta das opiniões e julgamentos alheios.
O autoconhecimento nos liberta das opiniões e julgamentos alheios.

Esperar a validação externa, faz com que a gente bloqueie quem realmente somos. Quando olhamos para  dentro, essa validação dos outros não mais importa, já que passamos a valorizar, acima de tudo, o bem-estar interior, isto é, como nos sentimos.

Quando a gente se reconecta com a nossa verdade e essência a gente se constrói e reconstrói. O universo tem inúmeras possibilidades, mas temos que estar abertos a isso. 

Um ciclo tem que fechar para que outro comece, para que haja um renascimento. As mudanças do ciclo acontecem o tempo todo e alguns processos são mais longos por serem mais complexos. Contudo, tudo depende da gente dar o primeiro passo e querer começar.

Vamos conversar mais sobre isso? No meu Instagram  fiz uma série de 4 vídeos de Programas de Reconexão Com a Nossa Essência, com exercícios e meditação. Confere lá e me conta o que achou!

Ariana Nasi | Instagram.
Ariana Nasi| Instagram.